Consumidor do ABC gastará R$ 425 com ceia de Natal

Mais da metade das famílias do Grande ABC (52%) pretendem realizar a ceia de Natal na casa de parentes e amigos este ano e parcela semelhante (51%) promete gastar com o encontro R$ 425, em média. O resultado faz parte de levantamento paralelo à PIC (Pesquisa de Intenção de Compra) e foi realizado pela primeira vez este ano pela Universidade Metodista de São Paulo.

Uma ceia entre R$ 201 e R$ 500 é a intenção de 52% dos entrevistados, acima de R$ 500 é a pretensão de gasto de 22% e apenas 9% disseram que vão chegar a só R$ 100. Do total de 573 entrevistados na PIC de Natal, 51% afirmaram que pretendem gastar a mesma quantia do ano passado, 36% vão investir mais do que em 2018 e 13%, menos.

Três quartos dos entrevistados (74%) afirmaram que o jantar de Natal da família deverá conter ave assada (chester e peru), 69% citaram frutas diversas, 66% pretendem servir carne assada (pernil) e 60% o tradicional panetone. Apenas 18% citaram peixe como item importante da ceia natalinal.

R$ 132 por presente

Conforme a tradicional PIC de Natal, o preço médio que consumidores da região estão dispostos a pagar por presente é de R$ 132, uma queda real (descontada a inflação) de 21,5% em relação a 2018. Já os gastos totais de uma família (mais de um presente) chegarão a R$ 406 em média, ou queda real de 4%.

Em movimentação comercial, a Pesquisa de Intenção de Compra, que é realizada pelo Observatório Econômico da Metodista, estima para os sete municípios um giro com presentes de aproximadamente R$ 286 milhões, também queda real de 4% em relação aos R$ 291 milhões de 2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here