Assaí inaugura unidade na Vila Metalúrgica

0
25
O prefeito Paulo Serra e Belmiro Gomes, presidente do Assaí, durante a inauguração | Foto: Vitor Lima

Por Vitor Lima

O Assaí Atacadista inaugurou a quarta unidade da rede em Santo André, na última terça-feira (4). Localizada na Avenida dos Estados, 1155, na Vila Metalúrgica, ao lado da antiga fábrica das Balas Juquinha, a loja é a nona do grupo do ABC, que alcançou a marca de 139 lojas em todo País. A unidade dispõe de 5 mil metros quadrados (m²) de área de vendas (12 mil m² no total), recebeu investimentos de R$ 14 milhões e possibilitou a geração de 560 vagas de empregos, entre diretos e indiretos. Foi a 13ª inauguração do Assaí do ano e até o fim do mês estão programadas outras cinco.

Presente no cerimonial de inauguração, o presidente do grupo, Belmiro Gomes, destacou que o ABC tem uma importância “gigantesca” para o Assaí e revelou que a abertura da unidade contempla um antigo desejo da rede. “Fazia muito tempo que a gente vinha com a intenção de colocar uma loja aqui, porque estamos muito perto da divisa de Santo André com São Caetano e a região da Vila Prudente. É um ponto estratégico dentro do mapeamento da Grande São Paulo”, explica.

A inauguração gerou expectativa por parte dos consumidores, que mesmo antes da loja iniciar o expediente já se aglomeravam no estacionamento do atacadista. As costumeiras promoções que acompanham as inaugurações era o que atraía o público.

O prefeito de Santo André, Paulo Serra, prestigiou o cerimonial acompanhada do vice-prefeito, Luiz Zacarias, do secretário de Desenvolvimento Econômico, Ajan Marques, e de vereadores da base aliada. Em sua fala, o prefeito enalteceu a geração de empregos e o incremento econômico que o empreendimento traz a Santo André.

Criado em 1974, o Assaí foi adquirido pelo Grupo Pão de Açúcar (GPA) em 2009. Dentro do segmento alimentar, o Assaí já representa 45% do faturamento do GPA, que, dentre outras marcas, também possui o Extra e o Pão de Açúcar.

O crescimento do Assaí pode ser explicado a partir de alguns fatores. Um deles é a assertividade do negócio e a adequação aos diversos públicos que frequentam as lojas, sejam eles consumidores finais em busca de economia, sejam empreendedores que buscam preço baixo para fazer girar o seu negócio de forma viável. Além disso, o momento econômico também colaborou para que as pessoas buscassem formas alternativas para economizar e encontraram no atacado uma opção que vale a pena.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here