Clínica no ABC adota solução para higienização das mãos

A escola profissionalizante e clínica de terapias integrativas, em Santo André, conta com um produto importante e sustentável.

Com a pandemia, vários estabelecimentos precisaram se adaptar para continuar abertos e para tentar manter o mais distante possível o vírus que assolou o mundo. Neste momento, algumas pessoas puderam trabalhar em home office, enquanto outras precisaram se precaver de todas as maneiras e continuar os atendimentos, principalmente, aqueles voltados a área da saúde.

Um destes espaços, é o Instituto Long Tao, conforme conta Camille Elenne Egídio. “Meu serviço é essencial e se tornou ainda mais importante neste último ano e com isso, busquei alternativas seguras para oferecer aos meus clientes e alunos. Assim, eles poderiam seguir com os tratamentos com mais segurança”, resume.

O Instituto conta com uma infraestrutura focada em conforto e bem-estar, profissionais qualificados, ética e empatia são algumas das bases que sustentam o Long Tao, segundo a proprietária. O local ainda conta com pós- graduação em acupuntura, terapias complementares, cursos de formação profissional, presencial e semi presencial.

A empresária incluiu em seu estabelecimento quatro unidades de Laveco, uma pia portátil e sustentável, que facilita o acesso para a lavagem das mãos e também auxilia na economia de água. “Os pontos principais para a minha adesão aos equipamentos. O principal benefício foi a higienização das mãos e a segurança que isso transmitiu aos meus pacientes; mas economia da água está sendo um bônus, reduziu de forma considerada a conta de água, isso tem a ver com o compartimento que permite a reutilização da água”.

Com isso, o Laveco do Brasil segue sua trajetória focada em se consolidar como uma das principais empresas ecológicas do país, buscando crescer nacionalmente e internacionalmente. Criando e desenvolvendo equipamentos para todas as necessidades (crianças, eventos, empresas e espaços públicos).

“Em 2014 quando desenvolvi o primeiro modelo de pia móvel, a ideia era poder higienizar as mãos, sem desperdiçar água. Nos testes iniciais, a redução chegou em torno de 70% e começamos a ganhar espaço principalmente em bares, restaurantes e feiras locais. Devido ao sucesso passei a fazer ajustes estéticos e colocamos o produto no mercado de maneira pioneira e inovadora e assim seguimos”, explica o CEO da Laveco do Brasil, Alex Rodrigues.

Por não precisar de nenhum tipo de instalação ou de conhecimento elétrico ou hidráulico, o Laveco se torna ainda mais prático e funcional, basta inserir água no compartimento e usar. “Nossos alunos e pacientes adoraram a novidade, além da facilidade de lavar as mãos, está sendo bem útil aqui na clínica em virtude da economia que obtivemos nas últimas contas de água”, finaliza a empresária e proprietária do Instituto Long Tao.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here