Compartilhamento de cozinha é novidade no mundo dos negócios

0
199
A ideia da cozinha compartilhada é da chef Patricia Lopes, proprietária da marca Cook it | Foto: Fabrícia Roso

Com o boom dos compartilhados, de carros, bicicletas, patinetes e escritórios, surge também a cozinha compartilhada. A ideia é que micro e pequenos empreendedores da área da gastronomia possam se unir e utilizar uma mesma infraestrutura, onde todos se beneficiam em áreas como compras e marketing, além da troca de ideias e know-how. Com isso, o grupo consegue desenvolver seus negócios de forma mais rápida e eficiente.

A ideia da cozinha compartilhada é da chef e empreendedora Patricia Lopes, proprietária da marca Cook it, que enxergou o potencial deste mercado e viu que poderia auxiliar os muitos cozinheiros e empreendedores da área gastronômica, que são extremamente criativos, mas necessitam de um aporte financeiro considerável para alçarem voo.
Por falta de infraestrutura, muitas vezes os empreendedores, com suas ideias boas e originais, acabam estagnados e presos à produção caseira, sem conseguir desenvolver seus negócios de modo profissional.

Patricia conta que a Cook It também se beneficia com o compartilhamento do espaço. Já fechou parcerias com os pequenos empreendedores que por ali passaram, conquistou novas revendas para seus produtos por indicação de outros pequenos empresários e está montando uma logística mais eficiente, que aproveita a necessidade de todos os usuários do espaço.

“Minha ideia é transformar a visão que as pessoas têm do alimento e da cozinha. Consegui isso através da Cook it e agora compartilho tudo que sei para ajudar a quem está começando nesse ramo”, explica Patricia.

Assim, no compartilhamento de cozinha surgem insights e novidades, que só um olhar profissional e empreendedor pode extrair.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here