PVC da Braskem passa a compor portas que levam benefícios à construção civil

Oferecer soluções que qualifiquem e impulsionem o negócio dos clientes é um dos principais motores de inovação da Braskem. Com esta premissa, a empresa se aliou à Pormade, fabricante de portas, para o desenvolvimento e processo de normatização da nova linha PVC Wood, que alia a beleza da madeira à resistência do plástico em aplicações para portas, batentes, rodapés e guarnições.

Segundo Mônica Mattana, engenheira de aplicação e desenvolvimento de Mercado de Vinílicos da Braskem, a linha PVC Wood tem grande potencial para agregar valor aos projetos de construção e design de interiores, pois é composta de produtos resistentes à água, que não propagam fogo, não atraem cupim, têm bom acabamento, são leves e de fácil manuseio.

“Por serem feitos de PVC, os produtos têm mais durabilidade e, portanto, exigem menos manutenção do que os modelos convencionais encontrados no mercado. Trata-se de uma linha com um importante potencial, pois possui atributos técnicos e qualidades estéticas. A parceria da Braskem com a Pormade também é uma maneira de contribuir com o mercado da construção por meio de uma solução inovadora”, afirma a engenheira.

Para impulsionar a utilização do produto em larga escala, a Braskem está apoiando a Pormade no processo de normatização, que depende de homologação no Sistema Nacional de Aprovações Técnicas (Sinat). Para isso, as empresas contrataram o Instituto de Pesquisa Tecnológica (IPT), que está realizando os testes e enviará seus pareceres e amostras ao órgão.

“Hoje em dia ainda não conseguimos utilizar produtos PVC Wood em alguns projetos devido à falta de normatização. Após a homologação do marco pelo Sinat, outros itens da linha devem ser normatizados, ampliando nossas possibilidades mercadológicas”, explica Miriam Mayer, executiva da área de Qualidade da Pormade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here