Retomada do turismo é tema de e-book gratuito

Material oferece um panorama do cenário atual e orienta como reavaliar a gestão dos negócios | Foto: Freepik

O movimento Viaje Pelo Brasil, projeto da Marcopolo S.A. com apoio do Sebrae para fomentar a retomada dos destinos turísticos de todo o País, disponibiliza a partir de hoje (26) um e-book gratuito com orientações para que empreendedores do setor planejem o retorno dos seus serviços. O livro “A retomada: 5 rotas em direção ao recomeço!” pode ser baixado aqui.

Então, o e-book traz um panorama do cenário atual do turismo brasileiro, com tendências de mercado e uma análise do comportamento do consumidor. Além disso, apresenta cinco rotas em direção à retomada, com dicas para reavaliar a gestão dos negócios frente à nova realidade imposta pela pandemia, melhorar o relacionamento com os clientes e fomentar negócios locais.

As cinco rotas são: analise a gestão do seu comércio; entenda que estamos indo em direção a uma nova economia; avalie a experiência do seu cliente; conheça as novas formas de biossegurança do mercado e apoie soluções que fomentem o comércio local.
Plataforma para empreendedores

O movimento Viaje pelo Brasil é uma iniciativa sem fins lucrativos, que visa apoiar os negócios do setor de turismo em todo o País. Pequenos e médios empreendedores do setor podem se cadastrar gratuitamente por meio da plataforma para que seus negócios ganhem visibilidade junto aos turistas. Eles também terão acesso a vários cursos de capacitação e informações sobre os protocolos de biossegurança, para exercerem as suas atividades neste novo cenário e aprimorarem a experiência de seus clientes.

Podem se cadastrar negócios relacionados ao turismo de qualquer região e variados segmentos, como hotéis, restaurantes, pousadas, agências de viagem, guias de turismo, transportadoras, serviços de traslados, vendedores de produtos típicos regionais, artesãos e startups, entre outros. A proposta é oferecer uma ampla vitrine virtual dos negócios de turismo no Brasil, para contribuir com a retomada econômica, sempre respeitando as diretrizes das autoridades sanitárias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here