Unidade de medicina diagnóstica do SUS é inaugurada em Santo André

Local tem capacidade para atender cerca de 5 mil pacientes por mês | Foto: Helber Aggio/PSA

A Prefeitura de Santo André inaugurou nesta última quinta-feira (23) uma nova unidade de medicina diagnóstica, com capacidade para receber cerca de 5 mil pacientes por mês. O equipamento atenderá todas as demandas de coletas de exames laboratoriais especiais, que são os exames que requerem maior tempo e preparo para realização. A unidade fica na Rua Coronel Agenor de Camargo, 73, no Centro.

Foram investidos cerca de R$ 600 mil, para que o local se enquadrasse dentro dos padrões do programa Qualisaúde, ou seja, além da estrutura física, equipamentos modernos, conforto e nova identidade visual. A recepção tem três pontos de atendimento, sala de coleta, sala de espermograma e sala de curva glicêmica.

O prefeito Paulo Serra comentou sobre a qualidade do atendimento: “Este é um equipamento que, apesar de não ser muito grande fisicamente, é uma unidade coletora de exames especializados de extrema importância. Mais importante que a quantidade de atendimentos é a qualidade do serviço oferecido. Estamos trazendo o padrão da saúde particular para dentro da rede pública, para que o SUS tenha essa mesma qualidade”.

A nova unidade iniciará os atendimentos em 6 de fevereiro. Todos os exames deverão ser previamente agendados pelos equipamentos da rede municipal de saúde.

Já o secretário de Saúde, Márcio Chaves, destacou o direito dos cidadãos ao SUS: “O SUS é um direito de todo cidadão brasileiro previsto na Constituição Federal e o mínimo que nós podemos oferecer ao cidadão andreense é dignidade, que se faz com aperfeiçoamento dos fluxos de serviços, instalações adequadas e serviços de excelência”.

A unidade foi inaugurada por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Santo André e a CientíficaLab. O laboratório faz parte do Grupo Dasa, maior empresa de medicina diagnóstica da América Latina e a 5ª maior do mundo, que tem como uma das suas marcas o laboratório Delboni Auriemo.

No local serão realizados exames previamente agendados pela unidade de saúde de referência, como curva glicêmica, curva insulínica, curva de lactose, glicemia pós-prandial, espermograma, coletas de exames que necessitam de refrigeração ou cuidado imediato com a amostra biológica, coletas de pacientes cadeirantes de difícil acesso para punção, micológicos, gasometria venosa e gasometria arterial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here