Luiz Felipe Pondé aborda a ansiedade em novo livro

Pondé transfere parte da responsabilidade da forte carga da ansiedade, para a hiperinformação | Foto: divulgação

Antes da pandemia do novo coronavírus, o filósofo e escritor, Luiz Felipe Pondé, já percebia a ansiedade como uma das questões mais preocupantes e inquietantes da nossa era. Em Você é ansioso? – Reflexões contra o medo, publicado pela Editora Planeta, o pensador elabora um ensaio sobre a era da ansiedade, analisando como o comportamento e a cultura têm produzido e lidado com esse novo paradigma e apontando possíveis formas de lidar com a questão.

Pondé transfere parte da responsabilidade da forte carga da ansiedade, para a hiperinformação. “A acessibilidade carrega a ansiedade como um parasita incubado, é um carrier como se diz em inglês. Cidadãos informados são ansiosos, este é um traço essencial da dialética da ansiedade em sua relação com o aumento na qualidade da informação e do conhecimento”, ele defende.

O livro pretende, antes de tudo, reconhecer as fontes imediatas da ansiedade em nossa era, como redes sociais e internet, avanço na medicina, maior longevidade, emancipação feminina e suas consequências, disseminação das práticas psicoterápicas de estilo coaching, instrumentalização das relações, instabilidade do futuro da democracia, dissolução da família em geral e obsessão com a alimentação.

Apesar disso, o objetivo do livro não é apontar “métodos infalíveis” para lidar com a questão. “Talvez uma das melhores formas de enfrentar a ansiedade seja aceitar que jamais a venceremos e que o que nos humaniza é o fracasso”, finaliza.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here